1/1
QUASE ÁRVORE

 # estreia 

# teatro para todas as idades

# palco  # rua

Quase Árvore é o novo espetáculo para todas as idades do Grupo Atrás do Pano. Livremente inspirada nos poemas de Manoel de Barros, a peça trata do tema da natureza de forma poética e sensível, mostrando o encontro entre gerações, a passagem da infância para a adolescência e o gosto pela poesia.

Durante a caminhada, o velho poeta Carvalho acompanha o menino Carocinho em sua busca pelo pai (que é árvore) e pela mãe (que é passarinho).

 

Espetáculo com estreia prevista para 2021.

Direção: Epaminondas Reis

Texto e dramaturgia: Francisco Falabella Rocha
Assistência de direção e preparação corporal: Fábio Furtado

Atores: Paulo Thielmann e Rodrigo Mangah

Cenografia: Paulo Thielmann e Casa Volante (Guilherme Pam e Jeanne Kieffer)

Figurino: Paulo Thielmann e Douglas Carlos

Desenho de luz: Wladimir Medeiros / NUTAC

Cozinha e costura: Ana Maria da Silva

Manutenção: Carlos Nascimento

 

Duração: 50 minutos

Classificação indicativa: livre

 

O espetáculo apresenta o olhar de uma criança sobre o mundo ao seu redor, carregado de sentimentos poéticos e revelações existencialistas.

 

Antônio é um menino que experimenta a vida na casa dos avós paternos, onde vive parte de sua infância como quem lê um livro de memórias. Cheiros, sensações, sonhos, medos e dúvidas constantes permeiam o seu cotidiano. E o que se descortina à sua frente são questões filosóficas acerca do tempo, da existência, da vida e da morte.

 

Prêmios Usiminas/Sinparc 2012 de

Melhor Espetáculo Adulto e Melhor Cenário

Autor: Bartolomeu Campos de Queirós

Direção: Epaminondas Reis

Dramaturgia: Carlos Rocha

Atores-criadores: Antônia Claret, Guda Coelho, Myriam Nacif e Paulo Thielmann

Cenografia e figurino: Paulo Thielmann

Concepção da parede: Máximo Soalheiro

Trilha sonora: Guda Coelho e Maurílio Rocha

Desenho de luz: Ricardo da Mata

Boneco de sombra: Paulinho Polika

Costureira: Maria Antônia

 

Duração: 60 minutos

Classificação indicativa: 12 anos

por parte
de pai

# teatro adulto  # palco

# espetáculo premiado

1/1
 

Uma arena de brincadeiras: em cena, estórias narradas a partir de brincadeiras e músicas, dispensando cenários e trocas de figurinos. Por meio de estórias cantantes, inspiradas na riqueza e diversidade da cultura popular brasileira, o espetáculo propõe ao público experimentar o jogo rítmico e corporal, através do resgate de mitos folclóricos, parlendas, cantigas e trava-línguas.

 

Este é o resultado da pesquisa que o grupo desenvolve há anos, associando o teatro à brincadeira e possibilitando sempre a participação efetiva do público. Neste espetáculo, ao recontar a estória do bumba-meu-boi, os atores dão lugar à plateia, que sobe ao palco e se entrega ao exercício do teatro. Outras estórias também ganham forma nas mãos do grupo, que apresenta em Estórias Cantantes um espetáculo dinâmico e envolvente.

Direção: Myriam Nacif

Atores/músicos: Guda Coelho, Myriam Nacif e Paulo Thielmann

Direção musical: Guda Coelho

Cenários e figurinos: Paulo Thielmann

 

Duração: 50 minutos

Classificação indicativa: livre

estórias
cantantes

# teatro infantil  

# palco  # rua

1/1
 

Costurando diversas linguagens cênicas (o teatro de formas, a música e a narrativa lúdica e interativa), o Grupo Atrás do Pano apresenta um espetáculo dinâmico capaz de envolver crianças e adultos no mundo mágico e imaginativo das estórias populares.

O espetáculo é uma adaptação cênica dessa estória da cultura oral. Apresenta a viagem sem fim de dois trovadores que, à medida que percorrem o caminho, colecionam casos e cacos, além da velha mania de aumentar e florear os acontecimentos. Ávidos por espectadores para suas estórias, trazem nas malas suas trovas, repentes, brincadeiras e mentirinhas saudáveis.

Direção e dramaturgia: Carlos Rocha

Atores/músicos: Guda Coelho, Myriam Nacif e Paulo Thielmann

Criação musical: Guda Coelho e Myriam Nacif

Cenários e figurinos: Paulo Thielmann

 

Duração: 55 minutos

Classificação indicativa: livre

a toalha
mágica

# teatro infantil  

# palco  # rua

1/1
 

Espetáculo de rua cênico-brincante que promove uma divertida viagem ao mundo dos alimentos.

Dois cozinheiros viajantes, com as barrigas vazias e as malas cheias de estórias, convidam o público a participar de suas loucuras gastronômicas e a botar a mão na massa, literalmente.

Direção: coletiva

Atores-criadores: Myriam Nacif e Paulo Thielmann

Cenários e figurinos: Paulo Thielmann

 

Duração: 50 minutos

Classificação indicativa: livre

a divertida cozinha de porpeta e peperoni

# teatro infantil  # rua

# espetáculo cênico-brincante

1/1
 

A Ópera do Bicão

1982 // Direção: Paulinho Polika

Teatro Móvel

1990 // Direção: Paulinho Polika

Prêmio Concorrência Fiat de Teatro (1990)

Tem de Tudo Nessa Rua

1994 // Direção: Rodrigo Campos

Prêmio Melhor Espetáculo de Rua - Júri Popular

Festival Nacional de Teatro Isnard Azevedo - Florianópolis (SC)

3 ou 4 Estórias

1998 // Direção: coletiva

De Olho na Cidade

2000 // Direção: coletiva

espetáculos
antigos

1/1

Copyright © 2021 _ Grupo Teatro Atrás do Pano

Todos os direitos reservados

Site criado e desenvolvido por: 

Casa de Pholias _ Comunicação e Cultura

adp_grupo_casa_marca-nova-(1)-6.png
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle